Amélie Poulain

O Fabuloso Destino de Amèlie Poulain

O Fabuloso destino de Amélie Poulain é um filme necessário. Sempre existirão os radicais livres que dirão: “Nossa, que filme chato”, “Dormi logo no início”, “Essa mulher fala olhando pra câmera” ou ainda “É pior que O Discurso do Rei”. Não deixe os coxinhas ou petralhas estragarem seu filme. Finja que não ouviu, ou melhor, assista escondido! Deixe a senhorita Poulain te ensinar a dar valor as miudezas da vida. Ajude ela a se vingar do cretino dono da quitanda. A buscar utilidade num gnomo de jardim. Ou quem sabe passear de lambreta sem capacete.

(mais…)

Leia Mais

Chatô – O Rei do Brasil

Chatô-o-Rei-do-BrasilNós todos rimos juntos das piadas que fizeram sobre Guilherme Fontes e o seu infindável filme. No longa, Assis Chateaubriand é julgado por todos os crimes cometidos na vida. Ironicamente, na vida real, o ator e diretor Guilherme foi crucificado assim como seu personagem principal. Depois de completar 15 anos, Fontes entrega a obra e recebe o veredito do público e da crítica. (mais…)

Leia Mais

Amy e O Chamado do Cuco

Poster Documentário Amy 2015

Quem é a garota atrás do nome? Eu achava que sabia: cantora jovem, uma voz maravilhosa, belas interpretações, judia e viciada. Ou seja, mais uma vez eu sendo ignorante. Não sabia nem que ela compunha as próprias canções. Antes de dar play, uma tristeza segura nosso dedo. Não vou mentir, depois a tristeza só piora. Entretanto, coragem! É preciso enfrentar a história. (mais…)

Leia Mais

12 Macacos e o Zika

12 Macacos

 

A história se passa no futuro próximo de 2035. Quase toda as pessoas morreram por causa de um vírus criado pelo homem. Clichê? Terry Gilliam pediu #isolares e se inspirou no média-metragem La Jetee, de 1962 (tem no YouTube). James Cole (Bruce Willis) precisa voltar no tempo e descobrir onde está o tal do marco zero para salvar todo mundo.

Há 21 anos o filme foi lançado. De lá pra cá ouvimos falar da: Aids, Ebola, Gripe Suína, Mal da Vaca Louca, H1N1, Malária, Dengue Hemorrágica… Ano passado o hit do momento foi o Zika vírus. O vírus estava adormecido numa floresta africana (Floresta de Zika), mas agora acordou enquanto o gigante brasileiro tirava um cochilo. As distâncias estão cada vez menores. Alguns cientistas menos otimistas dizem que é questão de tempo para outros vírus chegarem ao Brasil. Lembrando que a olimpíada é este ano. Tenso! (mais…)

Leia Mais

O Regresso

Leonardo DiCaprio O Regresso

A natureza não se importa com você. Às vezes temos a certeza de que tudo nos rodeia. É justificável, mas não se iluda. Isso não acontece. Você acordará6h e trabalhará até as 18h. Dormirá às 23h e no dia seguinte fará tudo novamente. Sua água acabará quando estiver no banho. Seu chefe negará oaumento e alguém baterá no seu carro. Com prazer nos olhos, você negará ajuda ao inimigo do trabalho. 8h na quarta-feira de cinzas acordará o seu (mais…)

Leia Mais

Pequeno Conto

Conto Pai e Filho

Pai e Filho

Cheguei cedo pra trabalhar, mas meu pai já estava lá. Cumprimentei e a mesma resposta recebi:

– Bom dia.

Não nos falamos mais. De longe eu o observei a manhã inteira. Sua atenção era toda da tela do computador. Nada de redes sociais ou jogos virtuais. Apenas escrevia. Quase na hora do almoço ele saiu para fumar. Dez minutos depois voltou com um copo descartável cheio de café. No início da semana lhe mostrei meu texto. Horas depois me devolveu o papel. Disse que gostou dos diálogos. Atendo o telefone que tocou e ele se vai.

Depois do almoço ele demora a aparecer. Pego seu chapéu e o imito. Passeio pelo escritório, mas todos fingem não me ver. Um cheiro de álcool se espalha pela sala. De volta, o homem liga para algumas pessoas pedindo prazo. Provavelmente queria sair cedo. Nosso amigo zomba do seu jeito engraçado de falar.

– Filho, o seu conto é uma… Bosta!

Nesse momento perco a noção do tempo. Evito pensar, mas não consigo. Ele pensou que foi eu quem zombou? É essa a opinião dele? Será que tem razão? Aposto que nem leu. Não quero mais saber. Ele já se foi.

Pego minhas chaves e cigarros e observo o pôr do sol pela janela. Outonos são lindos e melancólicos. Termino mais um conto. Nunca mais mostro pra ele.

Leia Mais